Quinta-feira, 13 de Outubro de 2011

Com vista para o mar

 

 

 

Com vista para o mar

Foi minha despedida

Meus olhos molhados

Neles tu navegavas

Entre o pensamento

 E a solidão

Perdido na imensidão

Do oceano percorrido

Navegava eu com sentido

Dos meus sentimentos

Enfadados na tristeza

Do amor

Sim ai estava o enredo

Da solidão

Do mar percorrido

Deixava de ser colorido

Sem sabor e sem colorido

Ao sabor do vento

E do pensamento

Navegava solitariamente

Mas porque me tinha despedido

Na minha partida

Quando ao teu lado podia estar

Porque fugia

Em vez de te amar

E em voz alta gritar

Não quero partir

Mas sim, ao teu lado estar

Porque o meu amor

É grande e quero continuar

Amar...

 

 

publicado por marinheirojimmy às 23:23
link do post | comentar | favorito
Quinta-feira, 14 de Julho de 2011

Acorrentado

Acorrentado estou.

Como se de uma ancora se trata-se

De baixo de pressão

Tento não deixar fugir a vida pelas mãos

Move-me mas não ando

Mexo-me mas não me liberto

Nunca esteve ocupado para nascer

Jamais estarei escondido para morrer

Sofro e não ajudo

Batalho mas não consigo libertar-me

Que correntes pesadas,

Deste meu viver

Queria mais poder

Para te socorrer

Sinto por ti

Sinto por mim

Este fardo de correntes

No meu corpo acorrentado

Acorrentado!

Estou a vida

A ti

Ao amor

E aos meus sonhos

E aos meus pesadelos

Com estás correntes

Estarei acorrentado…

 

Autor-Jimmy o Pescador

 

publicado por marinheirojimmy às 13:34
link do post | comentar | ver comentários (3) | favorito
Terça-feira, 5 de Julho de 2011

Wild Thing

Wild  thing

Time can make more rubble

Out of dreams than anything

In a quiet neighborhood

Where she`s living without wing

There`s eyes behind the curtains

And there`s ears below the floor

Cracks inside the ceiling

And shadows at the door

The boredom stirs a rage inside her soul

A rage that reaches out and takes control

 

Nine days out alone

Sleeping in the dirt

She walks back into town

With blood stains on her shirt

Everyone has questions

But no one wants to know

How far the anger in someone

Can really make them go

Tangled hair and mud stains on her knees

Bruised ribs and rips inside her jeans

She`s a wild thing

 

I used to be a citizen in this town

Until my teeth turned grey and my hair fell out

A symbol to some people they don`t want to know

A girl looking for trouble says she`ll give me a go

 

While everybody’s sleeping this town is mine

From the crooked clock tower to the border line

The night stars static in the winter breeze

She`s lying in the moonlight with her hand

Between her knees

 

She says it’s alright by me

She`s a wild thing…

 

Noah and whale.

 

By Jimmy the fisherman.

publicado por marinheirojimmy às 15:50
link do post | comentar | favorito
Sábado, 2 de Julho de 2011

Sem ti!

 Sem ti

 

Quando contigo estou

Tu me fazes sentir em casa novamente

Quando só contigo estou

Me fazes sentir jovem novamente

Quando sem ti estou

Me sinto estranhamente

Enamorado e perdidamente

Quando comigo estás

Tudo é diferente

Porque me fazes sentir

Livre novamente!

Porque sempre te amarei!

Por longe que estejas sempre te amarei

Por quantas palavras falarei

Sempre te digo

Amo-te para sempre…

 

I will always  love you!

 

Jimmy o Marinheiro

publicado por marinheirojimmy às 22:28
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
Terça-feira, 7 de Junho de 2011

O Mar,o Amor, e Eu

 

aqui está numa viagem de ferias do meu tempo de ferias.

 

linda que me enamora pelo o meu mar.

 

De ferias com o meu mar.

 

 

Em ferias com o meu mar

 

beijinhos para todas amigas do meu blog,Aqui estou de ferias

eu o mar e o sol e o amor.

 

autor-Jimmy o Marinheiro

publicado por marinheirojimmy às 15:49
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
Sexta-feira, 6 de Maio de 2011

Beijo Marinho

Aqui esta um lindo exemplo de dois adorados golfinhos

amar o seu semelhante para termos uma vida melhor...

Jimmy o Marinheiro

publicado por marinheirojimmy às 05:35
link do post | comentar | ver comentários (8) | favorito

.mais sobre mim

.Arte de Marinheiro







.Maio 2018

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
16
17
18
19

20
21
23
24
25
26

27
28
29
30
31


.posts recentes

. Com vista para o mar

. Acorrentado

. Wild Thing

. Sem ti!

. O Mar,o Amor, e Eu

. Beijo Marinho

.arquivos

. Maio 2018

. Abril 2018

. Outubro 2017

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Janeiro 2017

. Outubro 2016

. Julho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Fevereiro 2016

. Dezembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Julho 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Dezembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009